domingo, novembro 23, 2008

Silêncio e Escuridão.

Às vezes quando o silêncio cobre o mundo com a permissão da noite. Você pode vê-los. Caminham sozinhos, ou acompanhados. Eles vivem há séculos, já nos viram morrer e viver mil vidas.
Basta deixar a noite te tocar para que você possa vê-los. São belos, como os Deuses antigos seriam, mas são cruéis, famintos. Cuidado, enquanto os admira, não acenda velas na janela, eles entendem como um convite.
Gostam de nos observar, gostam de nós tocar a pele ainda viva e quente. Eles apreciam o nosso sangue.
Somos o que jamais voltaram a ser, muitos nos odeiam, muitos nos amam, mas todos querem nosso sangue.
O convite é irrecusável, mas lembre-se se os seguir pode não voltar,ou ver novamente a luz do sol.É um caminho sem volta,uma escolha para toda a eternidade.
Então quando o silencio cobrir a noite, com a permissão da escuridão, tenham cuidado, eles podem nos ver também.

2 comentários:

Bruna Toledo disse...

bem que eu procuro por eles quando a noite cai.
um dia pensei q tinha achado um, mas ele simplesmente meteu um pedaço de sanduiche na boca.

bem, não o vi engolir...
talvez tivesse brincando com a minha mente... ou não.


;*

Sereninha disse...

Conte essa historia menina *-*
Eu amei o poema, vou ver se funciona comigo =x hahahaha.

Bjus Nat =**

Raissa.