segunda-feira, janeiro 11, 2010

Lentamente.



Hoje é segunda e tive um fim de semana um tanto corrido. Choveu, e tudo que fiz foi escrever, foi maravilhoso para a imaginação. Olhava pela janela e tudo o que via era o pé de fruta do conde debaixo dos pingos insistentes. Dava pra sentir o cheiro de terra molhada. Uma delícia. Por aqui, só quem não gostou da chuva foram as gatas.

Ficar ilhadas dentro de casa não é bem o estilo delas, mas logo entenderam e procuraram suas camas. Engraçado vê-las enroladas pelos cantos como bolas de pelos.
Sinto que as coisas começaram a se mover, a entrar no ritmo. O ano dá mostras de começar realmente. Semanas completas, calma, menos feriados. Eu adoro feriados, mas têm algumas coisas que só acontecem quando os dias, as semanas seguem seu ritmo normal.

Têm pessoas que dizem que o ano só começa depois do carnaval. De certo modo, eu concordo. O tempo não para, mas às vezes anda lentamente quando temos pressa e fome de viver. Sim, fome de viver. Título de um filme de vampiros. Mas casa superbem comigo, tendo originado, inclusive, um excelente filme, baseado no livro homônimo de Whitley Strieber.

Por exemplo, no dia de Natal do anos passado, a rádio Rio Digital promoveu a leitura de um conto escrito por mim. Como a maioria das pessoas estava em clima de Festas, pedi que o arquivo de som fosse disponibilizado. Agora podemos desfrutar dele. É um conto chamado “Uma Noite Especial”. Para quem não conhece a série “Alma e Sangue”, é uma boa oportunidade. Quem já conhece, basta aproveitar.
Nesta semana que se inicia, e parece que vai ser a primeira completa, deixo um beijo mordido.

2 comentários:

viajenaleitura disse...

Olá Nazarethe!
Estou ansiosa para ler seus livros!estou participando das promos por aì!Vc conhece meu blog?Passa lá,sou sua seguidora,beijos mordidos para ti tbém!

Michelly disse...

Amo suas matérias! Meus gatos sentem a mesma coisa! Mas acho que até gostam, são meio preguiçosos sabe...
Amei a fotinho também!
Aqui em SP teve uma chuva rápida, mas que fez estrago!
Acho, que o único jeito pra ler seus livros, vai ser baixando da internet... Pretendo comprar, mas agora estou completamente sem dinheiro, e minha mãe também não pode comprar...
Mas pelo menos leio rápido...
Beeeijos